Lesão por Esforço Repetitivo (LER), entenda como um advogado pode auxiliar

Saiba o que é o problema Lesão por Esforço Repetitivo (LER), como a lei assegura o direito do trabalhador e como um advogado pode auxiliar.

A rotina de trabalho pode, e deve ser, um período de esforço e aprendizado, elevando o profissionalismo individual, o nome da empresa e, claro, a economia e a coletividade. Principalmente quando estamos realizados em nosso trabalho e em nossa profissão, o serviço não é encarado com desprazer.

Como trabalhador, você tem uma série de leis e direitos trabalhistas que garantem sua segurança e bem-estar. Mesmo que haja constantes mudanças nessas diretrizes, há fatores que permanecem assegurados.

Esse é o caso de problemas relacionados à Lesão por Esforço Repetitivo (LER). Prevista na Legislação Trabalhista Brasileira, é muito importante você saber a que se refere e como um escritório de advocacia pode te ajudar em um processo desse gênero.

O que é Lesão por Esforço Repetitivo (LER)?

Se você desenvolveu problemas de saúde devido ao seu trabalho e atividades profissionais, saiba que você está amparado pela Legislação Trabalhista Brasileira. Por exemplo, se você adquiriu uma Lesão por Esforço Repetitivo (LER) que, mesmo não sendo uma doença, é considerada uma síndrome (causada por uma doença).

A causa da Lesão por Esforço Repetitivo (LER)

A Lesão por Esforço Repetitivo (LER) é causada por alguma atividade e esforço repetitivo e contínuo, atingindo as articulações, nervos e músculos. Os principais sintomas são:

  • Dificuldade e redução de movimentação;
  • Cansaço muscular;
  • Dor;
  • Inflamação;
  • Formigamento.

A Lesão por Esforço Repetitivo (LER) pode ser consequência de doenças como:

  • Tendinite;
  • Bursite;
  • Dedo no gatilho;
  • Tenossinovite.

Postura incorreta também pode causar danos à saúde. Logo, você desenvolve uma das doenças citadas acima e, em consequência, a Lesão por Esforço Repetitivo (LER).

Por que preciso de um advogado em caso de Lesão por Esforço Repetitivo?

Como dissemos, as leis trabalhistas brasileiras garantem o direito do trabalhador em casos de doenças adquiridas no trabalho ou em consequência dele. Se você desenvolveu uma Lesão por Esforço Repetitivo exercendo sua função (nesse caso, conhecida como LER-DORT), um advogado pode fazer valer a lei em seu favor.

DORT significa Doenças Osteomusculares Relacionadas com o Trabalho e, no campo da advocacia, é considerada como um empecilho para a continuação da realização plena da função profissional. E ainda, se você é contribuinte social, mesmo que não tenha adquirido a Lesão por Esforço Repetitivo por causa do seu trabalho, também está assegurado pela lei.

Por ser considerado um acidente de trabalho, regido pelo artigo 19 da Lei nº 8213/91, um advogado pode garantir:

  • Afastamento provisório das funções: neste caso, com a remuneração (salário) integral;
  • Estabilidade: por 12 meses após o retorno do afastamento, o beneficiário tem seu emprego garantido;
  • Recolhimento do FGTS: garantindo mais um benefício;
  • Aposentadoria por invalidez.

Um advogado trabalhista é um especialista e conhecedor das leis que será o responsável por realizar os trâmites legais para assegurar o direito do trabalhador e beneficiário. Este profissional está apto a atender essas demandas para garantir que as leis trabalhistas sejam cumpridas em prol do seu cliente.

Portanto, se você exerce alguma função repetitiva (carregar peso, digitar, costurar) e sente algum sintoma que já citamos aqui, talvez você esteja com Lesão por Esforço Repetitivo. Fique atento e procure um advogado trabalhista para sanar suas dúvidas e ser orientado sobre como proceder.

Cuidar de sua saúde e de seu futuro é garantido por lei a todo trabalhador! E nossa missão aqui no blog é te deixar informado dos seus direitos, por isso, não deixe de acompanhar o blog, sempre traremos dicas quentes sobre direitos.

E que tal compartilhar esse conteúdo com sua rede de contatos? Compartilhe em suas redes sociais.

Lesão por Esforço Repetitivo